Suspeito de triplo homicídio em Águas Lindas é preso pela PM – TV CMN – Canal Municipal de Notícias
Enviado no dia 11/03/18 15:05:10 - Atualizado em 11/03/18 às 15:05:10
Suspeito de triplo homicídio em Águas Lindas é preso pela PM
De acordo com a polícia, as vítimas foram mortas na madrugada de quinta pra sexta
  • 7
  • 24.835
  • TV CMN

A Polícia Militar prendeu, no final desta manhã, o principal suspeito do triplo homicídio no Jardim Guaíra, em Águas Lindas. Ele teria se encontrado durante a semana com Susete dos Santos Miranda, 32, que foi morta na madrugada de quinta para sexta-feira. Os dois tiveram um relacionamento durante um tempo, mas terminado.

A identidade dele é preservada pela Polícia goiana pois o suspeito, apesar de preso, não confessou. Ele teria apenas dito que foi chamado pela mulher na terça-feira (06) e a deixou tranquila com os filhos. O homem, que é cozinheiro, foi encontrado em um bar da região. A Polícia estranhou o fato de que, ao ser abordado, ele informou que teria mudado de endereço neste sábado. Ele não era o pai dos meninos.

Família procura respostas

A família de Susete quer justiça. O cunhado, que pediu para não se identificar, conhecia o suspeito e diz que se for ele, o homem tem que pagar com a justiça dos homens ou com a de Deus. Ele lamenta a morte, pois as crianças eram muito apegadas a família. Inclusive, a última vez que ele viu a vítima foi na quinta (08), a tarde, quando Susete pediu para que a irmã cuidasse da filha mais nova, Joice, porque tinha que levar o outro ao hospital do DF.

O filho mais velho de Susete, João Vitor, 6, tinha problemas de saúde referentes a dificuldade de crescimento e por isso precisava de atendimento medico com frequência.

Cena de terror

Como não obtinha notícias da cunhada desde a sexta, o cunhado resolveu ir a casa onde os corpos foram encontrados mais uma vez. O lote, que é de posse do próprio cunhado, tem duas residências, uma na frente, onde Susete morava, e outra nos fundos, que está vazia.

“Quando senti o mal cheiro, eu sabia que tinha alguma coisa errada. Fui para os fundos e consegui abrir a porta. Já vi o corpo do menino caído e coberto com um lençol. Só o pé de fora. Havia sangue no local”, afirma. O homem foi até o quarto e viu o corpo da cunhada estirado na cama junto a outra filha.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

7 Comentários

  1. Lamentamos o que aconteceu com a Suzete a conhecemos desde a sua infância só pedimos que a justiça seja feita nem a Mãe tão pouco os filhos mereciam tamanha atrocidade ,barbaridades

  2. um animal que não podemos nem chamar de ser humano ele vivo ele já está queimando no fogo do inferno porque não existe justificativa no mundo que irá mudar uma coisa tão barbara que um monstro desse fez com está família

Deixe uma resposta